Futebol

Carta aberta – Presidente Antonio Carlos Castanheira

Carta Aberta_Antonio Carlos Castanheira_Março2021

Olá Associados, Torcedores, Membros da Comunidade e Simpatizantes. Estamos às vésperas de completar 15 meses de gestão, sendo um ano inteiro sob essa pandemia que tanto prejudicou o Brasil e não foi diferente com nossa Portuguesa. Impeditivos surgiram por conta da COVID-19 e que atrasou e suspendeu muito dos nossos principais projetos conforme relatados na sequência, porém, não nos impossibilitou de seguir os planos traçados para o Clube e Futebol. Sobre isso início minha mensagem:

ORGANIZAÇÃO / PLANEJAMENTO – CLUBE E FUTEBOL

 O primeiro passo, e por mim considerado o mais importante, foi a organização tanto no clube social quanto no futebol com uma profunda reestruturação fiscal, financeira e administrativa.

1 – Clube: Cobrança de Sócios Patrimoniais e conselheiros com recadastramento e controle de acesso;

2 – Futebol: A departamentalização foi iniciada no CT e será totalmente profissional no ano de 2021;

DEPARTAMENTOS EM MEIO A PANDEMIA:

CLUBE

– Departamentos Administrativo e Patrimonial

Nos Departamentos Administrativo e Patrimonial, uma centena de obras, reformas e manutenções para evitar depreciações foram realizadas no Clube e no nosso estádio, além de adequar às exigências da Federação Paulista de Futebol, bem como tornar nosso Clube mais agradável e acessível a todos.

– Departamentos Financeiro e Contábil

Com a separação do Clube e do Futebol, foi instaurada uma organização contábil e criada as mais importantes ações:

  • Um centro de custos para o Clube e outro para o Futebol;
  • Um Fluxo de caixa para o Clube e Futebol;
  • Um Balanço com demonstrativos de despesas/receitas do clube e futebol

– Departamento Jurídico

O Jurídico também passou por uma separação e profissionalização no Clube e Futebol e contou com as principais ações abaixo:

  • Contratação de escritórios terceirizados especialistas e renomados em ações trabalhistas para enfim conquistar um inédito acordo trabalhista, elogiado pelo corregedor do TRT;
  • Contratação de escritórios terceirizados especialistas e renomados em acordos Cíveis e Tributários afim de buscar um possível acordo nessas duas áreas.
  • No futebol está sendo acompanhado em tempo real todos os contratos para evitar qualquer ação trabalhista, bem como uma monitoração e inserção no passado dos nossos Instrumentos de Solidariedade;

– Departamento de Comunicação e Marketing

Com a separação do Clube e do Futebol, o Departamentos de Comunicação e Marketing elaborou diversas ações e cito os principais abaixo:

  • Reativação do NÚCLEO DE NEGÓCIOS, fundamental em 2015 e novamente em 2020;
  • Criação da Marca Própria “1920”
  • Diversas ações e exposições nas mídias, colocando em destaque a marca Portuguesa;

– Departamento de Medicina

A profissionalização departamental e a divisão entre Clube e Futebol se mostra ainda mais acertada no Departamento de Medicina. Marcado por contar com abnegados ao longo da história, uma mudança fundamental, que ainda não é o bastante, foi travada nos últimos meses para contar hoje com profissionais em:

  • Fisioterapia
  • Nutricionistas
  • Médicos diários no Futebol

– Departamento Feminino

O Departamento Feminino voltou as atenções para nosso bairro, com apoio assistencial e inclusão social ao longo desses 15 meses. Com a Missão Voz dos Pobres, arrecadamos doações, com ações em nosso Centenário e no Dia das Crianças, buscamos levar alegria a quem nos cerca. Afinal, essa é a história da Portuguesa, unir a todos sob nossa bandeira

– Departamento Social – SUSPENSO PELA PANDEMIA

– Departamento de Comercio – SUSPENSO PELA PANDEMIA

– Departamento Esportes Amadores – SUSPENSO PELA PANDEMIA

 

FUTEBOL INTEGRADO

– Futebol Profissional

No Futebol, nosso Centro de Treinamento deixou de ser apenas um espaço para práticas esportivas e passou a abrigar todos as atividades envolvidas no futebol, sendo um marco na separação CT e Clube Social. Essa Departamentalização iniciada em 2020 será totalmente concluída este ano, com a finalização da construção do novo prédio administrativo que abrigará os departamentos:

  • Administrativo
  • Financeiro/Contábil
  • Jurídico
  • Marketing e Comunicação

No campo, depois de muitos anos, a Portuguesa voltou a se classificar para o mata-mata das finais do Campeonato Paulista A2 e se sagrou Campeã da Copa Paulista 2020, campeonato na qual não conseguiu se classificar para a segunda fase nos últimos anos.

Outro ponto que gostaria de reforçar é a manutenção da diretoria de futebol e comissão técnica até final da gestão em 2022, a qual tem minha total confiança, mantendo a filosofia de trabalho de médio e longo prazo do futebol integrado da Portuguesa.

– Futebol de Base – SUSPENSO PELA PANDEMIA

Devido a Pandemia, o futebol de base da Portuguesa foi muito prejudicado e infelizmente as tratativas com investidores que a gestão estava negociando, foram suspensas. Para organizar a nossa base o processo é mais demorado, e sem autorização do Governo do Estado de São Paulo e os sinais da Secretária da Saúde e da Federação Paulista de Futebol, é inviável qualquer trabalho ou busca por mais investimento.

  • Escolinhas – SUSPENSO PELA PANDEMIA
  • Parceria com times da várzea – SUSPENSO PELA PANDEMIA
  • Departamento de captação – SUSPENSO PELA PANDEMIA

 

PROJETO ARENA – SUSPENSO PELA PANDEMIA

Para a o Projeto Arena, as negociações devem ser retomadas a partir de junho/2021, caso ocorra uma melhora na situação atual sanitária/pandêmica atual do nosso país.

 

CONSEQUÊNCIA DO PRIMEIRO ANO DA PANDEMIA

Foram milhões que deixaram de entrar para as contas da Portuguesa, e mesmo com incansáveis ações e interações do Departamento de Marketing, nossas vendas, ações virtuais e adesões de Sócios-Torcedores ficaram muito abaixo do esperado. Ao todo, nosso balanço estima mais de R$ 4 milhões que poderiam ter entrado para abastecer o Clube e o Futebol, entre elas estão:

  • Festa Junina
  • Shows
  • Festas
  • Locações
  • Patrocínios
  • Bilheterias
  • Sócios patrimoniais
  • Sócios torcedores, entre outros.

Porém, diante de toda essa crise que atingiu nosso futebol e nosso País, por maiores que fossem nossas dificuldades, não podíamos fechar os olhos para o que acontecia ao nosso redor. Foi com arrocho financeiro que conseguimos pagar em dia nossos funcionários, prestadores de serviços, despesas operacionais do dia a dia e todos os impostos (tributários/fiscal) do clube e futebol durante a paralisação, mantendo a dignidade e credibilidade fundamental como exige o momento atual.

 

CONSIDERAÇÕES FINAIS

Torcedor, novamente em 2021, estamos em meio a uma pandemia mais dura que nos impede de traçar qualquer tipo de planejamento e qualquer tipo de fluxo financeiro de caixa para este ano.

A situação é dramática de quem perdeu absolutamente quase todas as receitas, reforço mais uma vez, de eventos, festas, shows, festa junina, bilheteria, além de uma arrecadação irrisória de Sócios Torcedores e Sócios Patrimoniais e alta inadimplência de conselheiros. Tudo isso estamos convivendo nesses 3 primeiros meses de 2021, e a partir de abril, aguardando alguma mudança no cenário desta situação crítica sanitária da pandemia, estaremos definindo qual vai ser o direcionamento e plano estratégico para este ano.

Muitas vezes o certo é certo, mesmo dando errado e ninguém prometeu que seria fácil. É do AMOR e APOIO de seus torcedores, do empenho desta diretoria, do trabalho de seus profissionais, e com Deus no comando e Jesus no coração que uma renovada Portuguesa vai surgir. 

 

 

Antonio Carlos Castanheira
Presidente da Associação Portuguesa de Desportos