Futebol

Lusa vence Penapolense fora de casa e sai da zona de rebaixamento

Portuguesa e Penapolense jogaram na noite desta segunda-feira, 12, às 20h, no estádio Tenente Carriço. Em um jogo emocionante, a Lusa saiu na frente, tomou a virada, mas virou de novo, levando a melhor, por 3 a 2. Com a vitória, a Rubro-verde chega ao 12º lugar, fora da zona de rebaixamento.

O JOGO

A Lusa começou bem na partida, circulando bem a bola, marcando forte o adversário e conseguindo armar as jogadas ofensivas. Já o Penapolense iniciou marcando bastante e tentando recuperar a bola, para iniciar suas investidas ao ataque. Em uma das boas jogadas da Portuguesa, César rolou para Vinícius Barba, que chutou forte, de longe, mas a bola foi para fora. o Penapolense respondeu, com uma boa finalização de Branquinho, que João Lopes defendeu em dois tempos. A Lusa tocava bem a bola e, após boa troca de passes, Raul chutou cruzado, com perigo, bem perto do gol adversário. A Portuguesa era melhor na partida e logo chegou ao gol. Pereira cobrou falta, a bola desviou na barreira, e matou o goleiro. 1 a 0 para a Lusa. Mesmo fora de casa, a Portuguesa estava à vontade, controlando o jogo. Os mandantes até tentaram chegar ao empate, mas a Lusa se fechou e foi para o intervalo na frente do marcador.

Para a segunda etapa, a Portuguesa voltou disposto a esperar a subida do time da casa, para explorar os contra-ataques. Já o Penapolense, foi com tudo para tentar empatar a partida. Pressionando a Lusa, o time da casa chegou com chute perigoso de Jeferson Maranhão, mas a bola passou por cima. Leandro Love também bateu forte para o gol, mas João Lopes agarrou com tranquilidade. De tanto pressionar, o Penapolense chegou ao empate com Leandro Love. No lance seguinte, a equipe da casa virou, em um belo chute de Jeferson Maranhão. 2 a 1. A Lusa foi atrás do empate, e quase marca com Gabriel, mas o Thiago Passos fez um milagre e evitou o segundo gol da Rubro-verde. Mas ele nada pode fazer, quando Raul invadiu a área e tentou duas vezes para empatar o jogo. No lance seguinte, Pereira colocou a bola na cabeça do garoto Luiz Thiago, que só teve o trabalho de escorar para o gol. A virada da Lusa, 3 a 2. Mesmo com muita pressão, a Portuguesa segurou o jogo e garantiu os três pontos importantíssimos para a sequência da competição.

Na próxima rodada, a Lusa recebe o Juventus no Canindé. A partida será às 10h, no próximo domingo, válida pela 13ª rodada do Campeonato Paulista – Série A2.

Penapolense 2

Thiago Passos; Graffite, Marcelo Bispo, Nino Santos (Nilo) e Denis Neves; Jacio, Coppetti (Matheus Humberto), Renato Xavier e Branquinho; Tauã (Jeferson Maranhão) e Leandro Love. Técnico: Thiago Oliveira

Portuguesa 3

João Lopes; Carlinhos, Gabriel, Marcos Vinícius e César (Franklin); Vinícius Martins (Vilares), Vinícius Barba e Jonatas Paulista; Pereira, Cesinha (Luiz Thiago) e Raul. Técnico: Allan Aal

Árbitro: Márcio Roberto Soares. Assistentes: Ricardo Pavanelli Lanutto e Rafael Tadeu Alves de Souza. Quarto árbitro: Flávio Roberto Mineiro Ribeiro

Cartão amarelo: Vinícius Martins, Vinícius Barba, Carlinhos, Cesar (Portuguesa) Grafite, Jácio, Leandro Love (Penapolense)

Gols: Pereira – 30’ 1T

Love – 18’ 2T

Jeferson Maranhão – 20’ 2T

Raul – 37’ 2T

Luiz Thiago – 40’ 2T.