Futebol

Lusa perde para o Rio Claro fora de casa

Depois de muita chuva no dia anterior, o que ocasionou o adiamento da partida, Portuguesa e Rio Claro voltaram a se enfrentar, na tarde desta quinta-feira, 08, para encerrar o jogo válido pela 11ª rodada do Campeonato Paulista – Série A2. No fim, vitória do time da casa, que levou a melhor por 2 a 1.

O JOGO

A partida recomeçou a partir dos 4 minutos e 30 segundos, com um arremesso lateral favorável à Lusa. As duas equipes começaram com bastante vontade, na correria, em busca do ataque. A primeira boa chegada foi do time da casa, com Kadu, que cabeceou para o chão, mas João Lopes defendeu bem. Raul respondeu para a Rubro-Verde, em um bom chute, que passou perto. Mineiro passou pela defesa da Lusa e bateu com perigo, quase abrindo o placar. No último lance da primeira etapa, a Portuguesa teve a melhor chance do jogo. Fernandinho cruzou para Pereira, que dentro da área soltou uma bomba, que explodiu no travessão.

O Rio Claro voltou bem para a segunda etapa e, jogando dentro de casa, tentou pressionar a Lusa logo nos primeiros minutos. O time da casa assustou em um chute perigoso de Mandacaru, que mais uma vez foi salvo pelo goleiro João Lopes. Mas no lance seguinte, o camisa 1 da Lusa nada pode fazer em mais uma finalização de Mandacaru, que mandou para o fundo das redes. A Portuguesa tentava, mas não conseguia reagir. O Rio Claro, melhor em campo, aproveitou para matar o jogo com Lucas, que só teve o trabalho de empurrar para o gol, após bela jogada de Kadu. 2 a 0 para o time da casa. A Lusa ainda diminuiu com Gabriel, aos 50 do segundo tempo. Mas aí, já não dava mais tempo para nada.

Na próxima rodada, a Lusa vai até Penápolis, onde enfrenta a Penapolense. A partida será na segunda-feira, 12, às 20h, pela 12ª rodada do Campeonato Paulista – Série A2.

Ficha técnica

Rio Claro 2

Dhemison; Franco, Salustiano, Luanderson e Godri; Acácio, Orlando (Mandacaru), Kadu (Tsunami) e Rafael Sayão (Lucas); Sapo e Mineiro. Técnico: Leandro Sena

Portuguesa 1

João Lopes; Alanderson, Gabriel, Marcos Vinícius e Franklin (César); Jonatas Paulista, Vinícius Barba, Luciano Sorriso (Luizinho) e Pereira; Fernandinho (Vilares) e Raul. Técnico: Allan Aal.

Árbitro: Thiago Luís Scarascati. Auxiliares: Bruno Salgado Rizo e Paulo Cesar Modesto. Quarto árbitro: Rafael Emílio Acerra.

Cartão Amarelo: Orlando, Dhemison, Godri, Franco (Rio Claro); Luizinho, Marcos Vinícius (Portuguesa)

Gols:

Rio Claro: Mandacaru 11′ 2T, Lucas 37′ 2T

Portuguesa: Gabriel Santos 50′ 2T